logo instagram  facebook

Projeto Erasmus + "Ser Igual na UE"

barcelona_erasmus_2020.png

No âmbito do projeto " Ser Igual na União Europeia" 4 recém-graduados dos Cursos Profissionais de Desporto, Mecatrónica e Multimédia no ECB estão a realizar mobilidade e estágio ao abrigo do Erasmus Pro durante 3 meses em Barcelona. 

 

Leia aqui as suas vivências.

 

Local de estágio do Recém-graduado Tiago Barros
 
thumbnail_Tiago_Barros.jpg

Sou ex-aluno do Externato Cooperativo da Benedita, do curso profissional de Técnico de Mecatrónica e estou a realizar um estágio profissional de Erasmus Pro, em Barcelona, na

empresa Taller Remm S.C. Catalana Lda. situada em Avinguda Sant Salvador, Badalona (Barcelona). Trata-se de uma oficina de reparação de automóveis, onde consertam avariaras, fazem manutenções, revisões, etc.

As minhas tarefas neste estágio passam por um pouco de tudo do que se faz numa oficina de carros, tais como trocar a suspensão e as molas dos carros, trocar o óleo, trocar pastilhas, trocar pneus, desmontar carros que já não irão andar mais para reaproveitar as peças, etc.

O meio de transporte que uso para me deslocar é o metro, pois é o mais rápido e mais prático, visto que passam de 5 em 5 minutos. Entro na estação da Sagrada Família, que fica perto do apartamento onde estou a viver e saio na mesma linha, em Artigues Sant Adriá, a cerca de 400 metros do meu local de estágio.

 
 
 
 
Local de estágio do Recém-graduado Guilherme Fonseca
 
thumbnail_Guilhereme_Fonseca.jpg

Eu sou o Guilherme Fonseca e concluí recentemente o Curso Profissional de Técnico de Multimédia, no Externato Cooperativo da Benedita. Neste momento sou um dos participantes do projeto Erasmus+, num estágio de 3 meses (19 de setembro a 19 de dezembro), em Barcelona, em que tenho também oportunidade de conhecer a cidade. O projeto consiste em nos adaptarmos ao mundo trabalho e treinarmos a nossa comunicação numa língua não materna, neste caso, o castelhano. Estou a estagiar na

Lemon printers

, uma gráfica que conta com 2 empregados, sendo apenas um a tempo inteiro. É uma gráfica localizada na cidade, na Carrer de Roger, que trabalha essencialmente com estampagens, encadernações, impressões, marketing digital. Embora seja recente no mercado, a gráfica desenvolve um trabalho notável, com uma boa relação qualidade/preço. Em relação ao meu espaço de trabalho, tenho uma secretária só para mim com um monitor onde realizo as tarefas de vetorização e recriação de logos e Photoshop, de entre outras coisas dentro da minha área.

O meu monitor de estágio é o funcionário a tempo inteiro, é bastante simpático e está sempre pronto a ajudar em alguma dúvida que eu tenha. Graças à comunicação que estabeleço com ele, já consegui aprimorar mais o meu espanhol. É um local de estágio incrível! Se pudesse ficaria aqui a viver e trabalhar!

O meu horário é das 10h-14h, tenho 2h de almoço, de tarde faço 3h das 16h-19h, totalizando, assim, as 7 horas diárias.

O transporte que utilizo é o metro, que apanho a 2 minutos de casa e 7 estações e 20 minutos depois chego à estação de Badal, a cerca de 5 minutos do local de estágio.

 
Local de estágio do Recém-graduado Francisco Fernandes
 
thumbnail_Francisco_Fernandes.jpg

Chamo-me Francisco Fernandes, sou um ex-aluno da escola Externato Cooperativo de Benedita e atualmente encontro-me em Barcelona, ao abrigo do Programa Erasmus +, a realizar um estágio profissional. Moro num apartamento muito perto do emblemático monumento da Sagrada Família, que divido com mais 3 antigos alunos do Externato, que também estão aqui a estagiar.

A entidade onde estou a realizar o estágio é um ginásio especializado em desportos de combate e autodefesa,

Templum BCN

, onde se pode praticar boxe, capoeira, crosstemplum, jiu jitsu, muay thai, MMA e krav maga. Tudo isto ensinado por professores altamente qualificados, dos quais destaco um por já ter sido campeão europeu de jiu jitsu - Jonas Andrade.

O ginásio localiza-se próximo da Entença, uma zona privilegiada da cidade. Ando mais ou menos 400 metros a pé (5 minutos), de seguida apanho o metro e ando 6 minutos (4 paragens) e finalmente volto a andar cerca de 550 metros a pé (7 minutos), num total de 18 minutos de casa.

 
 
Local de estágio do Recém-graduado Daniel Costa
 
thumbnail_Daniel_Costa.jpg

Eu sou o Daniel Costa, fui aluno do Externato Cooperativo da Benedita e estou neste momento a fazer um estágio no âmbito do programa Erasmus +, em Barcelona. A minha entidade de estágio é a

Bramona Impressió Digital

, uma gráfica digital, localizada no centro de Barcelona, no Aribau, que conta com 9 trabalhadores e mais de 5000 clientes. É uma gráfica muito versátil e faz todos os tipos de trabalhos, prezando a qualidade, a rapidez e a atenção personalizada ao cliente.

Para chegar ao estágio utilizo o metro e depois ando mais cerca de 5-10 minutos a pé.

É um caminho fácil e rápido, por ser tão fácil consigo também ir a casa almoçar.

Em relação ao meu trabalho, tenho uma secretária logo à entrada da loja e perto do meu monitor que me dá e ensina as tarefas a realizar, como criação de logos, digitalização e reformulação de fotos e scans. Além disso, presto auxílio sempre que me é solicitado.

Estou a fazer 7 horas por dia, começando às 9:00h e acabando às 14:00h, depois tenho hora de almoço e volto a entrar às 16.00h e a sair às 18:00h totalizando assim as 7 horas diárias. Os meus colegas de trabalho são gentis e prestáveis, sempre prontos a ajudar. Já melhorei bastante o meu espanhol, pois alguns dos trabalhadores não falam Inglês, pelo que tenho de falar espanhol, o que é uma mais valia para mim, pois consigo melhorar a minha forma de comunicação. Penso que o único problema é as vezes a falta de trabalho pois eles ficam sem trabalho para eu fazer e eu aproveito para melhorar as minhas capacidades nos programas de edição e no OLS.


Os trabalhadores presentes são bem educados e prestáveis sempre prontos a ajudar, já melhorei bastante o meu espanhol pois alguns dos trabalhadores não falam Inglês então tenho que falar espanhol o que é uma mais valia para mim pois consigo melhorar a minha forma de comunicação, penso que o único problema é as vezes a falta de trabalho pois eles ficam sem trabalho para eu fazer e eu aproveito para melhorar as minhas capacidades nos programas de edição e no OLS o meu espanhol. 
Pin It