logo instagram  facebook

Projeto Erasmus VET | Projeto “Ser Igual na UE”| Barcelona

Viagem e chegada a Barcelona

barcelona.jpg

Dezoito alunos do Externato Cooperativo da Benedita foram selecionados no âmbito do Projeto Erasmus VET | Projeto “Ser Igual na UE”| Barcelona. Este projeto tem como objetivo apoiar os participantes em atividades de formação ou de formação contínua para a aquisição e uso de conhecimentos, aptidões e qualificações que facilitem o desenvolvimento pessoal, a empregabilidade e a participação no Mercado de Trabalho Europeu.

Com isto, os alunos que viajaram até Barcelona foram os melhores alunos dos cursos profissionais durante os 3 anos, onde os candidatos tiveram, também, que fazer uma entrevista em Espanhol ou Inglês onde foram avaliados.

 

Partimos no dia 22 de janeiro pelas 2:30, da Benedita para Lisboa, onde nos deslocamos de autocarro. Os alunos foram acompanhados por 2 professores, que irão apresentar os alunos às suas respetivas entidades de estágio. Perto das 4:00 chegámos ao aeroporto, onde fizemos o check-in e deixámos as malas de porão. Esta experiência foi bastante enriquecidor para todos, principalmente para os alunos que nunca tinham viajado. Por um lado todos nós estávamos entusiasmados com esta viagem, porém o cansaço notava-se após uma longa madrugada. À chegada conversamos com o Bruno sobre a atenção que temos de ter com a cidade, com a responsabilidade de viver sozinho e com a forma como encaramos o estágio.

O 1º impacto não foi o melhor, pois quando chegámos estava a chover e não havia luz nas casas, por isso fomos até à Sagrada Família passear. Depois da visita, regressamos a casa, pois as luzes tinham voltado, e arrumámos as malas nos prédios. Os apartamentos estão bem localizados e têm boas condições.

As expectativas estão elevadas pois é uma experiência única que podemos passar com nossos amigos e, também, pelo facto de termos um estágio fora do nosso país e sairmos da nossa zona de conforto. Até ao momento, todos estão a adorar a cidade e o estágio, onde a maior dificuldade é a adpatação à língua.

Trabalho realizado por: Diogo Oliveira, Miguel Santos e Rodrigo Matias

Pin It